quarta-feira, 28 de abril de 2010

Criar um anúncio. Espalhar a notícia. Ir para Cannes. Em 48 horas.


No ano passado, centenas de jovens criadores participaram do primeiro concurso de anúncios 48 horas, o YouTube-Cannes Young Lions. Dois deles, Guy Dayan e Adeline Chew, ganharam uma viagem para Cannes para representar o YouTube no Young Lions Film Competition.
Nesta semana, apresentamos a edição 2010 da competição. O formato continua praticamente o mesmo: vamos revelar o perfil de uma conhecida organização sem fins lucrativos às 21 horas da quinta-feira, 13 de maio (horário de Brasília). Os participantes terão apenas 48 horas para escrever, filmar, editar e enviar um filme para o canal doCannes Lions. Depois, eles terão uma semana para conseguir o maior número possível de votos no canal antes de um painel de líderes da indústria escolher dois vencedores com base na criatividade, execução e popularidade do vídeo. Os dois jovens escolhidos ganharão uma viagem com tudo pago para o Festival Internacional de Publicidade de Cannes (página em inglês).

Como se trata do Cannes Young Lions, os participantes devem ter entre 18 e 28 anos de idade e, é claro, ser criativos. Se esta descrição se aplica a você, acesse o canal agora mesmo e se inscreva para se manter informado. E não se esqueça de deixar o fim de semana dos dias 15 e 16 de maio livre para criar o seu anúncio. Boa sorte!

Tom Pursey, Gerente de Marketing de Produto no Reino Unido, assistiu recentemente a “Chemistry of Creme Eggs.”

sexta-feira, 23 de abril de 2010

Comunique-se com os seus inscritos por meio de boletins

Os boletins são uma ótima maneira de se comunicar com as pessoas que se inscreveram em seu canal do YouTube. Entre no seu canal, digite uma atualização, cole o link de um vídeo e clique em “Postar boletim”. O seu boletim será exibido na página inicial de todos os seus inscritos.
Imagine as possibilidades: quer contar aos inscritos onde será o seu próximo show? Envie um boletim e anexe um vídeo do ensaio da sua banda. Você acabou de assistir a um vlog que adorou e deseja enviá-lo para todos os seus inscritos com uma mensagem? É possível fazer isso também. Você pode, inclusive, enviar um link de vídeo para o seu outro canal do YouTube, divulgando-o aos seus inscritos. Com os boletins, você pode explicar o contexto de um vídeo ou simplesmente enviar uma mensagem para os seus inscritos.
Você pode enviar boletins por meio do novo formulário “Postar boletim” do seu canal:
Ao digitar a atualização para os seus inscritos, você verá o boletim à direita do campo de texto. Depois que você o postar, os inscritos verão a sua mensagem no feed da página inicial:
Se enviar um link para um de seus próprios vídeos, você poderá conferir o impacto que seus boletins tiveram no Insight, nossa ferramenta de análise. Selecione o vídeo e entre em “Descobertas=>Módulos de inscrição do YouTube=>Boletins de inscritos” para ver quantas pessoas clicaram nos links de vídeo dos boletins que você enviou.
Em 2010, uma de nossas prioridades é oferecer ferramentas que facilitem a comunicação entre você e seus inscritos, portanto, fique atento a outras novidades nesta área.
Josh Ross, Gerente de Produto, assistiu recentemente a “The Muppets: Beaker's Ballad. (link em inglês)

quarta-feira, 14 de abril de 2010

O presidente do Supremo Tribunal Federal responde às suas perguntas

Temos o prazer de anunciar que o Supremo Tribunal Federal (STF), representado por seu presidente, é o mais novo órgão do governo a responder às perguntas enviadas ao YouTube. Cada vez mais, os líderes de todo o mundo usam a ferramenta para estabelecer contato direto com os cidadãos, mas esta é a primeira vez que o maior tribunal de um país usa o YouTube para iniciar um diálogo significativo com a sua comunidade sobre o processo político e as questões governamentais.


Todos os brasileiros, bem como toda a comunidade internacional do YouTube, podem usar a nossa plataforma do Google Moderator para fazer perguntas no
 Canal do YouTube  do STF no endereço youtube.com/stf. Você pode enviar perguntas em forma de vídeo ou de texto. Assim que a pergunta for enviada, qualquer usuário do YouTube poderá votar se a questão deve ou não ser feita ao atual presidente do STF, Gilmar Mendes. O Ministro vai responder às perguntas mais votadas durante transmissão da “TV Justiça”, no dia 16 de abril, às 18h. (Horário de Brasília14h PT) [links em inglês]. A vídeo com as respostas do Ministro ficará disponível no Canal Oficial do STF no YouTube.






O Supremo Tribunal Federal lançou o canal em outubro de 2009 e, em apenas seis meses, já enviou mais de 1.700 vídeos, que acumularam mais de um milhão de exibições no site. Este tipo de interação em vídeo personaliza e democratiza a política. Já foi provado, inclusive, que é possível criar iniciativas locais (por exemplo, no México), regionais (por exemplo, na UE) e globais (como o COP15) de maneiras novas e empolgantes.

As perguntas ao STF devem estar relacionadas a qualquer um destes tópicos:


  • Forma de indicação de Ministro do STF
  • Atuação do Supremo Tribunal Federal
  • Balanço das Atividades do STF e do CNJ
  • Efetividade das decisões judiciais
  • Propostas do Conselho Nacional de Justiça
  • Corrupção no Judiciário
  • Democratização do acesso à Justiça
  • Ativismo judicial
  • Informatização do Poder Judiciário
  • Prerrogativa dos juízes
  • Intercâmbio jurídico no Mercosul e em outros países

Todas as perguntas devem obedecer às 
Diretrizes para Comunidades do YouTube.

Esta é a sua chance de interagir diretamente com um representante de um dos maiores órgãos judiciais do mundo tendo a certeza de que a sua voz será ouvida. 
Envie a sua pergunta ainda hoje e fique de olho para ver a resposta do STF.

Por Ivo Corrêa, 
Diretor de Políticas Públicas e Relações Governamentais do Google Brasil, assistiu recentemente ao vídeo "Saiba a diferença entre deportação, extradição e expulsão".

quinta-feira, 1 de abril de 2010

TEXTp reduz o tráfego do YouTube e economiza dinheiro

Que bom que há 24 horas de vídeo enviados para o YouTube a cada minuto, nós felizmente temos suporte a 1080p (link em inglês) e os envios em HD estão aumentando rapidamente (link em inglês), mas tudo isso também aumentou as nossas despesas com a largura de banda. Sendo assim, para manter nossos custos sob controle, decidimos dar um passo importante e oferecer uma nova maneira de usar o YouTube: o modo somente-texto, ou TEXTp.

O TEXTp é o resultado de meses de esforço na transcodificação de vídeos por nossos engenheiros.  Eles trabalharam durante semanas a fio para garantir que todos os vídeos no website pudessem ser reduzidos a seus elementos mais básicos. Substituir as imagens do seu vídeo por uma série de letras e números exige muito menos do nosso sistema. Isso sem contar o benefício adicional de que nossa ação promove o hábito da leitura!

Para experimentar a nova ferramenta, entre em qualquer página de vídeo e selecione “TEXTp” do menu suspenso, desta maneira:

Você também pode acrescentar &textp=fool aos URLs da maioria dos vídeos para testar esse recurso.


Cada pessoa que selecionar o TEXTp e assistir ao vídeo com a opção ativada vai economizar 1 dólar por segundo ao YouTube. Potencialmente, isso poderá nos ajudar a poupar bilhões de dólares. Se você se importa com o YouTube, use o TEXTp ainda hoje.
Patrick Pichette, vice-presidente sênior e CFO do Google.